Pin It button on image hover

Bolachinhas de Natal, passatempo e um Até já!!
























Pois é amigas, estou de viagem até ao Alentejo com a minha familia, mas não sem antes me despedir e de deixar aqui, embora de forma virtual, um miminho para todas vós e com os meus desejos sinceros de que todas/os tenham um FELIZ e SANTO NATAL.

Com elas aproveito também para participar no passatempo da Laranjinha do "Cinco quartos de Laranja" e que tem por nome "Coisas doces para saborear até ao dia de Reis" e com o patrocínio da RAR.
Aqui ficam então as minhas Bolachinhas de Natal:

250 gr de farinha
110 gr de manteiga
130 gr de açúcar RAR
2 gemas de ovo
Raspa de um limão

Misturar bem a manteiga amolecida com o açúcar até formar um creme. Adicionar as gemas uma a uma, sem parar de mexer assim como a raspa do limão. Adicionem a farinha aos poucos até obter uma massa lisa e macia, amassar ligeiramente. Deixem repousar 10 a 15 minutos.
Estender a massa sobre uma superfície enfarinhada e cortar os biscoitos com os moldes que preferir.
Levar ao forno pré-aquecido a 180 ° C por 10 ou 15 minutos, até que estejam levemente dourados. Deixar arrefecer e enfeitar com açucar em pó. Algumas recheei com geleia de morango.



Espero que cada uma "pegue" a sua e consigam sentir o carinho e a amizade com que as fiz para vos presentear.

Beijinhos e até para a semana, fiquem bem e vivam uns dias de ...
PAZ, AMOR E MUITA FELICIDADE!!!


Sonhos de Natal

Olá amigas, espero que todas estejam felizes, de avental posto e  com a vossa cozinha bem perfumada e cheia de coisas boas para o Natal.
Hoje deixo-vos com uns sonhos. Mais uma iguaria que não pode faltar na nossa mesa de Natal.


4 ovos
1 chávena de água
1 chávena  de farinha com fermento
1 pitadinha de Sal
1 colher de sopa de manteiga
Açúcar e Canela em pó para polvilhar

Levar ao lume um tacho com a água, a manteiga e o sal e deixe ferver. Em seguida, adicione a farinha de uma só vez, mexendo rapidamente com uma colher de pau até esta se desprender bem das paredes do tacho. Retire do lume e deixe que a massa arrefeça. Um a um vá adicionando os ovos, envolvendo bem. Depois de bem amassada, faça uma bola e deixe repousar.
Aqueça bastante óleo e, quando estiver a ferver, baixe para lume médio/brando e frite, deitando colheradas de massa.
Quando estiverem bem douradinhos de todos os lados, retire e deixe arrefecer sobre papel absorvente e sirva polvilhados com açúcar e canela.






















Espero que gostem, beijinhos e tenham uma feliz Quarta-feira!!

Bacalhau Assado no Forno com Batatinhas a Murro

E o Natal está mesmo à porta, verdade?
Não imaginam a correria que por aqui vai pois à que tratar dos presentes tratar das malas pois vou até ao Alentejo, enfim a azáfama de sempre sendo nós uma familia de seis hehehe..
Como sugestão para hoje, deixo-vos com um prato que se come e sabe sempre bem ainda mais nesta altura, embora seja um sucesso todo o ano.
A receita nada tem de saber: Tiras de Pimentos, Cebolas em rodelas, Azeite e alho para regar o Bacalhau e as Batatinhas para Assar Ahh e a estas ainda se tem que dar um murro hehehe!!



BEIJINHOS!!

Doce de Abóbora Chila (Gila)


Todos os anos por esta altura, faço o doce de Chila. É muito apreciado cá em casa e é comido não só como compota para barrar no pão ou tostas, mas também serve para colocar como recheio em 
 tartes, nas azevias etc e outros doces ou bolos natalicios. Dai ser hoje a minha sugestão:





1 abóbora chila
Igual peso em açúcar (da abóbora já cozida e escorrida)
1 casca de limão
1 pau de canela
Sal q.b.
250 ml de água


Partir a abóbora atirando-a ao chão e, com as mãos, separe a abóbora em vários pedaços.
Retire as sementes e os filamentos mais amarelos.  Lave bem os pedaços de abóbora  até esta deixar de deitar espuma. Coloque os pedaços de abóbora num recipiente com bastante água e com a casca virada para cima. Deixe a abóbora de molho de um dia para o outro.
No dia seguinte, coloque uma panela grande com água a ferver e tempere com sal.
Junte a abóbora e deixe cozer durante 40 minutos até ficar bem tenrinha e começar a separar-se da casca. Depois de cozida, retire e deixe arrefecer um pouco.
Com a ajuda de uma colher de pau ou de plástico, nunca metálica, raspe a abóbora para dentro de uma tigela. Coloque  num escorredor e deixe escorrer durante 30 minutos. (Depois de escorrido, pese, e o peso do açúcar será igual). Num tacho, leve ao lume o açúcar, a água, o pau de canela e a casca de limão. Mexa e deixe ferver até atingir o ponto pérola.
Passado cerca de 8 minutos passe com a colher na calda, se começar a cair em gotas, está no ponto. Junte a abóbora de chila e sem parar de mexer, vá separando os fios.
Quando passar com uma colher no fundo do tacho e fizer uma estrada, está pronto. Apague o lume e, quando arrefecer guarde em frascos próprios.


 Fonte da receita: "Sabor Intenso"
Beijinhos e tenham uma optima semana!!