Pin It button on image hover

Francesinha à Minha Moda para um Desafio

Olá minhas queridas BOA TARDE!!
Queria agradecer uma vez mais o vosso carinho e pelas mensagens aqui deixadas no post anterior.
O dia foi maravilhoso e muito bem passado. O Martim portou-se muito bem e, apesar de nervoso andava muito feliz. Obrigada também pelos beijinhos a ele deixados e que ele agradece.
Tal como foi anunciado irei agora reunir todas as mensagens nesse post e fazer o sorteio da vencedora que depois aqui divulgarei, tudo para que pudéssemos de alguma forma, festejar o aniversário dos blogs (2 anos).
Quanto à receita de hoje é uma proposta para poder, ao mesmo tempo, participar num desafio.
A querida Vera  do Hoje para Jantar propôs algo muito interessante.
Queria que contássemos uma história sobre um local e uma receita ligada a ela. Tudo tinha a ver com viagens coisa que eu adoro, mas infelizmente, aonde tenho mais oportunidade de viajar é aqui no nosso País e é essa a história e receita de hoje.
Nasci há 40 anos no Alentejo e tirando as férias de Verão passadas no Algarve (Agosto) e a Espanha (em Junho e Julho) nada mais conhecia.
Casei e entretanto devido a motivos profissionais do marido fui conhecendo um pouco deste nosso Portugal. Vivi em Alverca, depois Montijo, Oeiras, Fafe, Vila Nova de Mil Fontes, Oeiras outra vez e finalmente vim parar aqui ao Porto.
Confesso que me custou a adaptação. Pessoas alegres, extrovertidas e que falavam tão mal que me deixavam corada hehehe. A cidade muito fria e enevoeirada e Verões muito ventosos.
Mas, com o tempo fui me habituando ás gentes, á cidade e ao seu clima e hoje adoro isto.
A gastronomia local tinha coisas que a mim não me agradavam como as famosas Tripas brrrrrrggg... Já a Francesinha uiii cativou-me logo e foi a francesinha que pensei trazer aqui hoje.
Não cheia de molho e, por isso, lhe chamo de "à minha moda".

As francesinhas nasceram no Porto, “inventadas” na década de sessenta por um emigrante em França.
Ele decidiu dar um toque especial a uma receita tipicamente francesa, chamada "croque-monsieur". Esta especialidade típica é um snack muito apreciado nos restaurantes e cafés franceses.
Este iluminado homem teve a feliz ideia de improvisar e adaptar este prato aos nossos ingredientes e à nossa cultura, adicionando ao nosso paladar a magia de um molho que é a alma da receita.
Depois do caldo verde, das tripas, da broa e do bacalhau à Gomes de Sá, eis então que nasce a única receita gastronómica original portuense do século XX. A Francesinha.
Este “estrondoso” prato é hoje em dia uma das mais apreciadas iguarias da cidade, e é a especialidade de vários restaurantes locais dos mais chiques aos mais populistas.

Aqui vos deixo então a receita.

     

    Molho:

  • 1 cerveja
  • 1 caldo de carne
  • 2 folhas de louro
  • 1 colher de sopa de margarina
  • 1 cálice de brandy ou vinho do porto
  • 1 colher de sopa de farinha maizena
  • 2 colheres de sopa de polpa de tomate
  • 1 dl de leite
  • piripiri q.b.
  • 1 ovo estrelado
  • Batatas fritas para acompanhar

    Francesinha:

  • 2 fatias de pão de forma
  • fiambre qb
  • queijo qb
  • salsichas qb
  • linguiça qb
  • carne assada ou bife qb

Preparação:

Molho:

Dissolver bem a maizena com o leite e juntar os restantes ingredientes. Com a varinha mágica triturar, levar ao lume até ferver e engrossar um pouco mexendo para não pegar no fundo.

eu gosto com pouco ou nenhum molho mas isso fica ao critério de cada um.

Francesinha:

Fazer uma sandes com os ingredientes e cobrir com queijo. Colocar no centro de um prato e regar com o molho. Levar ao forno a gratinar.
Servir com a batata frita e um ovo estrelado (opcional).
 Espero que tenham gostado, especialmente a Vera, uma beijoka para ela e, para vós todas, o desejo de uma optima semana!

37 comentários:

  1. hmmmm eu sou como tu, pouco molho se faz favor:) eu quando faço é de bife de frango, mas gostei do aspecto da tua:p hnam hnam

    ResponderEliminar
  2. Hummmmmmmmmmmmm
    Chiça :( também quero...
    Adoro francesinhas, adoro, mas com a batata à parte.
    Beijocas

    ResponderEliminar
  3. Que maravilha. Gostei imenso da história e da receita. Ainda bem que correu tudo bem ontem. beijinhos

    ResponderEliminar
  4. Probé el verano pasado la frandesinha en Oporto y me encantó, estaba buenísimo. Un beso.

    ResponderEliminar
  5. Gosto muito! E gostei de saber um pouco mais de ti!

    Bjs.

    ResponderEliminar
  6. Ai, Mariana, que ando mesmo com vontade de uma boa francesinha, nem imaginas as desculpas que eu arranjo para não cair em tentação. Ainda bem que gostas do Porto, cidade vizinha da minha, mas que ocupa o 1º lugar do meu coração.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  7. Adoro francesinha mas sem bife, sem batatas fritas e completamente ensopada em molho!!!! :D
    Ainda bem que te apaixonaste pelo Porto, eu gosto muito de viver aqui. Temos as coisas de uma cidade grande mas sem o grande stress (é só um stress pequenino!!!). Qualquer dia temos que nos encontrar para nos conhecermos pessoalmente!

    ResponderEliminar
  8. lá em casa gostamos todos de francesinha, uma vez por mês o meu marido faz mas compra o molho. Já levo a tua receita :) ficou de certeza super apetitosa :)

    ResponderEliminar
  9. Olá! Já deixei um comentário, mas não sei se chegou aí!

    Essa francesinha parece-me óptima! Também gosto assim, com pouco ou nenhum molho por isso gostei muito da tua!

    E como disse há pouco: ir para fora cá dentro é muito bom! Temos praias lindas, paisagens espectaculares e cidades maravilhosas! Claro que conhecer outros países é muito bom, mas o nosso é muito bonito!

    Ainda bem que o dia de ontem correu bem!

    Beijinho

    ResponderEliminar
  10. Mariana que bom que vieste parar no Porto e naquela cidade maravilhosa que nos conhecemos é um privilégio ter-te como vizinha.
    Em relação á francesinha adorei, ainda ontem á noite fiz :)

    Beijinho

    ResponderEliminar
  11. Gosto bastante da tua versão, não sou apreciadora do excesso de molho nas francesinhas.

    ResponderEliminar
  12. Ficou com um óptimo aspecto. Já fiquei com água na boca.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  13. Uiii..eu cá é cheia de molho!!!As batatinhas bem mergulhadas e um pouquinho picante para finalizar!!!
    Tenho de me aventurar e fazer aqui por casa!

    Bjoka
    Rita

    ResponderEliminar
  14. Desde já muitos parabéns pelo blog.
    A tua francesinha ficou uma tentação e o red vevelt cheese cake ficou lindíssimo, muito original.
    Bjs.

    ResponderEliminar
  15. QUERIDA MARIANA,
    GOSTEI MUITO DE SABER UM POUQUINHO MAIS SOBRE VC.
    E ESTE PRATINHO NINGUÉM RESISTE, ARRASOU!

    BEIJOS ♥

    ResponderEliminar
  16. Adorei o seu post e a receita deliciosa beijos

    ResponderEliminar
  17. Mariana, confesso que não conhecia a Francesinha nem com molho nem sem.E com certeza vou gostar... fazemos aqui uma receita que lembra essa com o nome de sanduiche gratinado, mas com certeza essa com esse ovinho é incomparável...Adorei saber um pouco mais de vc. Parabéns ao Martim e a toda a familia por esse dia tão lindo!! Beijinhos da Gina

    ResponderEliminar
  18. Nunca comi mas parece muito saborosa. Este molho me deixou para dizer o mínimo curiosa.
    Com toda certeza vou fazer.
    Bjo

    ResponderEliminar
  19. Me encantan las francesiñas!!! Gracias por la receta!!!

    ResponderEliminar
  20. Mariana, isso é que foi correr o país!:D
    Nunca comi francesinha, mas a tua ficou com um aspeto maravilhoso! Qualquer dia experimento:)
    Beijinhos:)

    ResponderEliminar
  21. Mariana , esta fransezinha ficou muito apetitosa adorei esse ovo por cima, ficou mt apetitosa!

    beijinhos

    ResponderEliminar
  22. ADORO=) Que saudades de comer uma francesinha. E esta feita em casa que maravilha mesmo=)
    A vida também me levou a fazer mudanças geográficas, mas para longe do Porto que é de onde sou, para mim não há cidade como essa mas sou suspeita claro!!(muito suspeita=)
    beijinhos e boa semana**

    ResponderEliminar
  23. vou experimentar Mariana também não gosto muito cheias de molho:) beijinhos

    ResponderEliminar
  24. ADORO E A TUA ESTA MESMO UMA MARAVILHA.
    CÁ EM CASA O ESPECIALISTA É O MEU MARIDO.
    BOA SEMANA
    BJS

    ResponderEliminar
  25. Mariana te ha quedado como siempre un plato fantastico. Un gran beso guapa
    cosicasdulces.blogspot.com

    ResponderEliminar
  26. Parabéns atrasados, e beijinho ao Martim.

    Beijo da Nita.

    ResponderEliminar
  27. adoro amiga...que aspeto a tua ficou....bela história...bjs

    ResponderEliminar
  28. É um dos pratos que me tira do sério :) Da ultima vez que fui ao Porto comi uma e estava simplesmente divinal :)

    A tua também assim ficou, linda e perfeita...e acima de tudo...deliciosa!

    ResponderEliminar
  29. Eu como uma verdadeira nortenha posso dizer que adoro francesinha, já provei muitas e não me decido qual gostei mais, agora também as faço em casa pois o namorado aprecia muito mais que eu (e eu gosto bastante)..A tua ficou com um aspecto tão bom que já comia uma :P beijinhos

    ResponderEliminar
  30. AI AI AI!!!!!

    ADORO FRANCESINHA!!!

    sou uma fã incondicional da francesinha(não fosse eu nortenha) e ADORO a francesinha que o meu pai faz!!!!

    Mas esta tá com um aspecto maravilhoso apesar de eu gostar delas a "banhar" em molho! lol

    Vou experimentar esta tua versão!

    Bjinhos

    ResponderEliminar
  31. Mariana, que lindo ficou esse prato, sou como tu, gosto com pouco molho, ficou linda sua francesinha e adorei conhecer-te um pouquinho mais, é muito bom vivermos em um lugar do qual amamamos não é? Bjos querida um lindo dia pra vc

    ResponderEliminar
  32. Mariana ao ler esta tua descrição do Porto dá-me muitas saudades de casa, mas Domingo a noite espero estar aí para poder saborear a bela da francesinha.

    ResponderEliminar
  33. Olá Mariana:)

    Mas o Porto é tão bonito!!!
    Adoro Francesinha mas à minha moda. Não aguento com o molho e a linguiça das dos restaurantes e por isso tive que improvisar à minha maneira:)
    Gostei muito da tua que certamente me agradaria porque é quase quase como a minha.
    A foto está espectacular, demonstra bem o bom aspecto da francesinha:)

    Boa semana!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  34. Mariana a tua francesinha tem optimoooo aspecto! Francesinha é mesmo uma das minhas comidas preferidas ou não fosse eu uma rapariga da Inbicta!E apesar de não falar mal, tenho imensa dificuldade com os "v's" e os "b's". Logo só uso os segundos.Aliás até hoje, os meus avós gozam-me porque desde os 5 anos que tenho dificuldade em perceber porque é que vaca se escreve assim,entao ela não é a mulher do boi?
    Ao contrario de ti, eu gosto da minha francesa a nadar em molho.Mas a versaõ de cá de casa não leva leite nem maizena,tenho de experimentar.Beijocas

    ResponderEliminar
  35. Adoro francesinhas e já não como há tantos anos!!
    Obrigada por publicares, pois assim posso recriar e matar saudades...
    Beijinhos,
    Lia.

    ResponderEliminar
  36. Alô :)
    Obrigada pela visita ao Living2Cook.
    Adoramos Francesinhas e quando comia carne não havia altura que fosse de visita ao Porto e não fizeste esta iguaria parte do meu menu lololol
    Agora uma das minhas experiências será fazer uma Francesinha Vegetariana hihihihi
    Esta está com muito bom aspecto, parabéns pelo blog.

    Beijinho,
    Living2Cook*

    ResponderEliminar