Pin It button on image hover

Arroz de Pato

Bom dia!
Ontem foi dia de um arroz de pato a moda do marido. Sim, foi ele quem o cozeu, desfiou e executou a receita. É tão bom ver no grande cozinheiro que se tornou e diz ele que eu sou a grande culpada e eu fico muito feliz por isso...
As suas principais especialidades são as bifanas à moda do Porto, o strognoff, que faz como ninguém e um arroz soltinho, que nem eu faria melhor.
Partilho então aqui hoje esta receita simples mas deliciosa, de um generoso....


Arroz de Pato à Moda do F.


























1 pato, previamente cozido e desfiado
1+ 1/2 chávena, de arroz
Vinho branco q.b.
3 chávenas de caldo de pato (água da cozedura coada)
Rodelas de painho alentejano ou chourição
1 cebola grande picada
2 dentes de alho, picados
1 folha de louro
2 cravinhos
Azeite q.b.
Sal, pimenta e noz moscada para temperar

Num tacho largo, refogue em azeite, a cebola e os alhos picados. Adicione o arroz e o cravinho e tempere de pimenta e noz-moscada. Frite um pouco e junte um gole de vinho branco, a carne desfiada e assim que o vinho for absorvido, junte as 3 chávenas de caldo de pato, mexendo bem.
Verifique o sal, deixe ferver e reduza depois o lume. Tape e deixe em lume brando por 15 minutos sem mexer ou destapar o tacho.
Retire do lume e deixe a repousar por uns minutos.



Pré-aqueça o forno a 200º C.
Deite o arroz na travessa espalhando bem.
Por cima coloque rodelas de painho alentejano e leve ao forno por 10 minutos.
Sirva de imediato e com uma salada da sua preferência.







Beijinhos e BOA SEMANA!

14 comentários:

  1. Adoro arroz de pato Mariana!! Esse ficou um espetáculo, está lindo e com aspecto delicioso, parabéns ao marido!! Beijocas

    ResponderEliminar
  2. adoro arroz de pato, adoro! E é uma coisa que nunca cozinhei! Quem sabe não me inspiro aqui na receita do teu marido? O meu também não se sai nada mal na cozinha: faz os melhores risottos :)

    ResponderEliminar
  3. Isto de ter maridos que cozinham não para qualquer uma! :) E tem cá um aspecto.. hummm, que delícia.

    ResponderEliminar
  4. Que maravilha... o arroz e ter alguém a fazer-nos a refeição (por vezes também sabe bem ;) )
    Bjs e Boa semana

    ResponderEliminar
  5. Adoro arroz de pato e esse ficou uma verdadeira delicia
    Fiquei com fome...
    Boa semana
    bj

    ResponderEliminar
  6. Está com ótimo aspeto, querida! Que bom receber estes miminhos do marido!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  7. Se tu és a grande culpada é um enorme elogio e a mim não me espanta nada :)
    E esse arroz está uma tentação. Eu adoro arroz de pato e já há muito tempo que não faço.
    Bjo doce

    ResponderEliminar
  8. O aspecto é fantástico!! Muito bem, temos cozinheiro! Ah Ah... ;)
    Beijinhos doces.

    ResponderEliminar
  9. Adoro arroz de pato Mariana e este do teu marido, está uma perdição de apetitoso!
    Beijinhos,
    Lia.

    ResponderEliminar
  10. Eu tinha visto o início da publicação deste Arroz de Pato à moda do F. mas já não tive ocasião para abrir e ler a receita. Mas ficou-me "debaixo de olho". Cá em casa este arroz é muito apreciado. Mais apreciado ainda é saber que algumas meninas sortudas têm maridinhos que sabem cozinhar e bem! Que não é o meu caso, claro, com grande pena, he,he, pois assim não tenho direito a folgas!
    Parabéns ao F. e a ti também, se és tu a responsável. Significa que a professora é boa e o aluno também!
    Hoje tive visitas para almoçar e a ementa foi Arroz de Pato. E agora vim aqui com vagar (as visitas já se foram) para ver a receita. Como eu adorava ser capaz de fazer um arroz assim soltinho! A minha receita não difere muito da tua, mas tem algumas variações, como o uso de cravinho, noz moscada e vinho branco. Vou anotar bem e para a próxima vou esmerar-me mesmo. O pior é que depois não sei a quem hei-de agradecer: se a ti, se ao F. ! Um abraço da Bombom

    ResponderEliminar
  11. Olá Mariana, já vejo que o meu comentário anterior não entrou. Coisas do Google...
    Quando vi na minha página do Blogger a entrada do teu Arroz de Pato feito pelo marido, fiquei muito curiosa para ver se era como o que eu faço, mas era tarde e já não pude conferir. Entretanto hoje tinha visitas e esse era o menú escolhido por ser muito do agrado do meu marido (que não pesca nada de culinária, he,he) e menos tempo tive. Quando se foram embora e eu tive finalmente um tempo de "repouso", vim logo conferir a receita. O meu Arroz de Pato é muito saboroso mas não fica com o aspecto soltinho, que o teu tem. Também não costumo temperar com cravinho e noz moscada, e nunca pus vinho branco (pensei que era só para os risottos, uma "invencionisse" dos italianos).
    Já anotei a receita como deve ser, com tempos de cozedura e forno. Quero ver se para a próxima consigo fazer a diferença! Usas arroz carolino ou agulha?
    Ficam aqui as minhas saudações ao F e à sua Mestra! Com tão boa Professora, o Aluno tinha de brilhar!
    Vim também desta vez para te agradecer o carinho da visita e comentários que me afagaram o "ego". Obrigada, do coração. Beijinhos da Bombom

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Minha querida Bombom, bom é ter aqui a tua doce presença e por estares aí desse lado sempre atenta e com um carinho, obrigada.
      Olha o meu F. adorou também os teus elogios e diz que se queres um arroz soltinho que uses o cigala agulha. Agora já sabes o segredo hehehe.
      Beijinhos e tudo de bom!

      Eliminar
  12. Parece muito muito bom! Gosto muito do sabor no geral, mas claro que há formas de fazer que não me agradam... Geralmente em take-aways ou coisas do género não é tão bom, até costumam desfiar demais o pato. E nos restaurantes geralmente vem com queijo derretido em cima, eu já não gosto muito de queijo derretido, quanto mais em arroz de pato. Acho mesmo uma combinação estranha. De qualquer maneira, agora já fiz várias vezes em casa e assim já posso tê-lo à minha maneira :) (e quando faço faço imenso e fico a comer arroz de pato a semana toda...) A minha receita até é semelhante a esta, mas ponho algumas (pouquinhas...) toneladas de salsa pelo meio...

    ResponderEliminar
  13. Que belo arroz de pato ADORO!!! Parabéns Mariana, e parabéns ao cozinheiro que bem merece :) Beijinhos

    ResponderEliminar