Pin It button on image hover

Noodles de Curgete com Tomate Cereja e Cogumelos

Uma refeição simples e deliciosa onde utilizei o meu novo brinquedo: a mandolina da Borner
Neste caso mais preciso, usei o Ralador Roko com que fiz uma espécie de esparguete de curgete e cenoura.
Mas o ralador em si e mais completo é fantástico, com ele corto legumes ás rodelas ou em palitos, finos ou mais grossos enfim e ainda com outro pormenor importante, dura uma vida e isso, sente-se quando o utilizamos pois conseguimos perceber que temos ali uma mandolina para a vida.
Agradecer à Borner pelo miminho e oportunidade fantástica. 

Se quiserem também ter um, é só entrarem no site ou na página da Borner no facebook e deixar mensagem com a vossa encomenda.
Não se vão arrepender, garanto-vos!




Noodles de Curgete com Tomate Cereja e Cogumelos



2 dentes de alho
Azeite
200 g de cogumelos
2 curgetes
1 cenoura
150 g de tomates cereja

Com o Ralador Roko corte a curgete em forma de esparguete, assim como a cenoura e reserve.



Numa frigideira larga, coloque um fio de azeite e frite os dentes de alho esmagados.
Junte depois os cogumelos em rodelas para saltear até dourarem ligeiramente. Coloque os tomates cereja assim como os fios de curgete na frigideira e envolva com cuidado na mistura para que tomem o gosto.
Deixe a saltear um pouco, tempere de sal e sirva de imediato.
Querem coisa mais simples?

Beijinho e bom resto de semana!

12 comentários:

  1. Que delícia de brinquedo e refeição. ;-)

    Beijinhos,
    Clarinha

    http://receitasetruquesdaclarinha.blogspot.pt/2015/01/quinze-dias-com-george-calombaris-e-uma.html

    ResponderEliminar
  2. Uma refeição bem leve e visualmente muito apelativa!

    ResponderEliminar
  3. Ficou uma refeição mesmo muito apetitosa!

    ResponderEliminar
  4. Esta receta tiene una pinta deliciosa, seguro que está muy rica. Bea y Mara

    ResponderEliminar
  5. Sendo uma refeição simples e relativamente rápida de confeccionar, é muito rica em vitaminas e muito colorida, o que também "abre" o apetite. Eu gostei da mandolina, mas acho-a um pouco dispendiosa para a maioria das donas de casa. Em tempos comprei uma parecida numa promoção do Lidl, de marca Ernesto, mas nunca consegui usá-la. Não sei se é defeito da maquineta ou se é falta de jeito meu, o que me leva a pensar que se calhar vale mais comprar caro e usar do que comprar barato e enfiar o barrete! Bjs. Bombom

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Minha querida Bombom, neste caso especifico acredita que o barato sai caro, muito caro por vezes. Já tinha comprado outros anteriormente e custou-me para além dos euros, uns bons cortes nos dedos e com o tempo deixavam de cortar tão bem os legumes.
      Este da Borner é fantástico, vale cada euro. Super pratico de usar, muitas funções e oferece muita segurança por tudo isso, já o elegi o melhor do mercado.
      Beijinho e obrigada sempre, pelas tuas visitas!

      Eliminar
  6. Óptima sugestão!
    Beijinhos,
    http://sudelicia.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  7. Que excelente ideia! Os meus filhos adoram esparguete. Nunca me ocorreu fazer isto mas vou experimentar porque é uma forma espetacular de os fazer comer legumes! Bom ano!

    ResponderEliminar
  8. A minha mãe tinha lá em casa dela um cortador de legumes desse género que nunca usou. Trouxe-o para minha casa mas, confesso que fiz o mesmo por não saber como o utilizar correctamente. Afinal parece simples e fica tudo com um aspecto maravilhoso.

    ResponderEliminar
  9. Que giros que ficam os noodles :D
    A máquina é muito engraçada :)

    ResponderEliminar