Pin It button on image hover

Bolo de Pêssego ou melhor... da Felicidade!



Sabem aqueles bolinhos com os quais sonhamos e idealizamos serem perfeitos?
Pois este, foi um bolo saído de um sonho que tive e que tornei realidade.
Estava com receio pois era um bolo que ainda não tinha experimentado e além disso queria muito fazê-lo no meu novo robot de cozinha, o Cuisine Companion com o qual ainda não tenho muita experiência a mexer.
Arrisquei, pedi ainda ajuda à Andreia, uma amiga mais experiente com a C.C. para que me desse uma ajuda nas conversões e aqui está ele, PERFEITO e um bolo que tem a minha cara ou melhor, podia representar na perfeição este blog, daí lhe ter dado este nome também...






80 g de farinha de arroz
80 g de amido de milho
50 g de fécula de batata
2 c. chá, de fermento em pó
1 pitada de sal
200 g de açúcar
4 ovos médios
50 g de coco ralado
50 g de óleo de coco
300 g de pêssegos, cortados em pedaços





Pré-aqueça o forno a 180ºC.
Coloque na taça com o acessório batedor, o açúcar e os ovos e bata programando 4 min/40ºC/Vel 6.
De seguida, programe mais 3 min/vel 5, mas sem temperatura.
Adicione o óleo de coco e os pedaços de pêssego e programe 20 seg/vel 4.
Finalmente, adicione a mistura de farinhas, a pitada de sal e o coco ralado e misture por 1 minuto/vel 3. 
Coloque a massa na forma (usei a forma Torta Canelada da Metalúrgica), distribua por cima mais uns pedaços de pêssego e polvilhe com mais um pouco de coco ralado.
Leve ao forno a cozer, por cerca de 40/45 minutos.
Sirva ainda morno, decorado a gosto (eu barrei com puré de pêssego).

UMA DELICIA!

Prato: Oficina da Formiga

Beijinho e bom fim de semana!

Carpaccio de Courgete com Queijo Fresco e Pimenta Rosa

Mais uma sugestão de salada, que me surpreendeu pela positiva. 
É necessário andar sempre à procura de variedade no que toca a saladas pois este calor  a isso convida.
Por isso, aqui fica este carpaccio de courgete com o contraste delicioso do limão...






1 courgete, em rodelas bem finas
1 fio de azeite
Sal
Pimenta rosa moída
1 queijinho fresco primolatte Galbani
1/2 chav. de nozes
Folhas frescas de hortelã
1 limão pequeno, cortado em fatias
1 c. de sopa de Segredos Saladas da Margão









Recorrendo ao indispensável cortador Borner, laminei a courgete em rodelas bem finas.
Dispor as rodelas no prato onde vai servir. Borrife com um pouco de azeite e sumo de limão e tempere de sal, pimenta rosa e ervas a gosto (eu usei aquela mistura da Margão para saladas).
Divida pedaços de queijinho fresco pelo prato, assim como algumas avelãs e folhas de hortelã fresca.
Sirva de imediato, acompanhando com fatias de limão também laminadas.



Dica: é também uma receita deliciosa para levarem na vossa marmita.













Manteiga de Pêssego

Quando me deparei pela net com varias receitas desta manteiga, achei que era óptima (e perfeita), para dar fim a uns pêssegos que se mostravam já bem maduros.
Adaptei um pouco as variadas receitas pela quantidade que tinha de pêssegos e eis aqui o resultado:




Manteiga de Pêssego

7 a 8 pêssegos, grandes
1/2 cháv. de água
1/2 cháv. de açúcar
1 c. de sobremesa, de manteiga sem sal
Sumo de 1 limão




Descasque e corte os pêssegos em pedaços e leve ao lume com a água e o açúcar. Quando começarem a querer ferver, baixe o lume e cozinhe lentamente, mexendo de vez em quando, por cerca de 15 a 20 minutos.
Junte o sumo de limão e triture com a varinha mágica, até ficar em puré e sem grumos.
Passe depois por um passador de rede fina e leve de novo ao lume.





Assim que ferver baixe e junte a manteiga, enquanto vai mexendo, para não deixar queimar e pegar ao fundo (cerca de 40 45 minutos).
Deite em frascos esterilizados e deixe arrefecer. Conserve no frigorífico até duas semanas.




Podem sempre utilizar outras frutas, mas esta de pêssego, a de ameixa e a de maçã são as minhas favoritas.

Beijinho e bom resto de semana!

Bolo de Laranja com Amêndoa e Cardamomo



Não tem necessariamente, que haver pretextos para fazer um bolo mas este, foi o que escolhi para usar E ESTREAR o meu novo robot de cozinha: o cuisine companion da Moulinex que, como vos disse aqui anteriormente, ganhei num passatempo da Nestlé.
Depois disso, já experimentei também sopas e 2º pratos mas confesso: o que me dá mais gozo fazer neste género de robôs, é bolos e sobremesas.





Este ficou super aprovado pelo que vos deixo o convite para que façam. Ficou um bolo super aromático e de textura bem húmida e, apesar da apresentação simples, acreditem que vão deliciar-se com ele....



2 laranjas
220 g de açúcar
1/2 c. de chá, de cardamomo Margão,moído (triture o interior das sementes)
1 pitada a gosto, de canela em pó
80 g de óleo de coco
300 g de farinha de amêndoa
1 c. de sobremesa, de fermento em pó Royal
4 ovos


Pré-aquecer o forno a 180º C.
Lave e corte ao meio as laranjas (com a casca).
Coloque na taça, a lâmina picadora e triture a laranja por 15 seg./ Vel. 10.
Junte o açúcar, os ovos, o cardamomo e a canela em pó e seleccione a Vel.5/ 40º /2 min.
Finalmente, seleccione o programa de massa P2 e junte aos poucos o óleo de coco, a farinha de amêndoa e o fermento.
Deite numa forma, previamente untada com manteiga e enfarinhada.
Leve ao forno a cozer, por cerca de 50 minutos.
Sirva simples ou decore a gosto.


Beijinho e votos de boa semana!