Pin It button on image hover

Omelete de Aveia e Legumes, com Arroz Integral

Uma omelete simples, para uma refeição que se quis rápida e saudável, e ao mesmo tempo deliciosa...





6 ovos
2 cháv. de legumes refogados (eu usei lombarda, cenoura, alho-francês e curgete)
2 c. de sopa de aveia
Salsa fresca, picada
Sal e pimenta q.b.
Orégãos secos, a gosto
Arroz Integral Pato Real






Previamente, faça um refogado em azeite, com uma cebola picadinha e legumes a seu gosto. Retire e escorra-os do excesso de gordura.
Numa tigela, bata os ovos com a aveia e os legumes, refogados anteriormente.
Numa frigideira anti-aderente, coloque um fio de azeite. Quando estiver quente adicione a mistura de ovos e legumes e deixe cozinhar de um lado. Quando estiver consistente e a soltar-se bem nas bordas da frigideira, vire para o outro lado, com a ajuda de uma espátula e deixe cozinhar por mais alguns minutos. Divida ao meio e sirva ainda quente, acompanhado de um delicioso arroz integral Pato Real que se prepara num minuto (no microondas), óptimo para quando queremos uma refeição simples e rápida.




Pudim de Água

Um pudim delicioso, leve e muito aromático.
Experimentem!





10 gemas
1 litro + 7 dl, de água
180 g. de farinha
300 g. de açúcar
1 pacotinho de açúcar baunilhado Vahiné (7.5 g)
1 pau de canela Margão
1 anis estrelado Margão
Casca de 1 limão
Casca de 1 laranja







Na Cuisine Companion:
Lave a laranja e o limão e retire-lhes a casca (sem a parte branca).
Coloque na taça com o acessório misturador, um litro de água, o pau de canela, o anis estrelado e as cascas dos citrinos. Aqueça na Vel.3/90 ºC/15 min. Retire da taça, coe o liquido e reserve-o.
Coloque agora o acessório batedor, os 7 dl de água restante, as gemas, o açúcar, a farinha e misture na Vel.5/1 min.
Programar agora a Vel 5/90 ºC/15 min. Após 30 segundos, junte a calda quente que havia reservado, pelo orifício da tampa.
Após terminar o tempo de cozedura, misture o pudim por 30 seg/Vel.7 para o homogeneizar.

Modo tradicional:
Leve ao lume o litro de água com o pau de canela, o anis estrelado e as cascas de citrinos.
Assim que ferver, retire do lume e deixe que arrefeça, reservando.
Bata bem as gemas com o açúcar e a farinha. Junte depois os 7 dl de água restantes e mexa bem.
Junte também o litro de água (já coado), que retirou do lume e coado, à mistura de gemas, mexendo sempre.
Leve ao lume a engrossar, enquanto vai mexendo para que não pegue ao fundo ou ganhe grumos.

Deite o pudim numa taça ou divida-o por tacinhas e leve ao frigorífico, por pelo menos 1 hora. 
Na hora de servir, cubra o pudim com açúcar granulado ou mascavado e caramelize, utilizando um maçarico de cozinha ou ferro em brasa.



Receita inspirada Aqui

Beijinho e Bom fim de Semana!

Eleita "Chef do Mês" pela Nestlé

Ainda nem acredito no que li e como as coisas boas são para partilhar, quero anunciar que a Nestlé, acaba de me eleger Chef Do Mês de Dezembro.
Eu não podia estar mais feliz não só pelo prémio, mas principalmente pelo título e por uma marca tão importante, achar que uma receita minha, merecia tal distinção.
Aqui fica a foto da receita com que venci este passatempo e que entretanto já tinha publicado aqui no blog:




Resta-me por fim, agradecer mais uma vez à NESTLÉ e dizer que não podia estar mais feliz!

Salame de Frutos Secos e Açafrão


Um salame diferente mas absolutamente delicioso.
Espero que gostem da sugestão e experimentem!






200 g de Cream Cracker Vieira
1 c. sobremesa de açafrão em pó Margão
1 c. de sobremesa de açúcar amarelo
150 g de manteiga, à temperatura ambiente
1 ovo+ 1 gema
150 g de figos, passas e ameixas secas
80 g de nozes picadas







Pique as bolachas grosseiramente. Junte o açafrão, o açúcar amarelo, a manteiga, o ovo e a gema, assim como os frutos secos, partidos em pedaços. Amassar, de modo a misturar e a unir bem, todos os ingredientes. Molde o salame sobre uma folha de papel vegetal, e leve ao frigorífico até ao momento de servir.



Beijinho e uma Feliz Quinta-feira!

Sopa de Brócolos e Couve-flor com Feijão Branco

Um creme delicioso e muito reconfortante...






400 g de brócolos
150 g de couve-flor
1 alho-francês, em rodelas
1 cebola picada
1 lata pequena de feijão branco
Queijo da Ilha ralado, q.b.






Refogue num pouco de azeite, a cebola picada até esta ficar translúcida
 e acrescente o alho-francês em rodelas continuando a cozinhar em lume brando. Junte agora os brócolos e a couve-flor em floretes. Cubra com água e tempere de sal.
Assim que os legumes estiverem tenros, adicione o feijão branco, previamente escorrido e deixe cozer por mais 5 minutos. Triture a sopa com a varinha e rectifique de sal.





Sirva bem quentinha, polvilhada com queijo da Ilha, ralado (usei
o Ralador PowerLine da Borner ).




Cocotte Staub


Lemon Curd

Nem imaginam os limões que tenho aqui por casa. São cestas e cestas deles e antes que se estraguem, não estranhem ir vendo por aqui, receitas com limões. E se no outro dia partilhei a limonada de romãs, hoje, trago-vos novamente o básico e já famoso Lemon Curd.







1 c. de sopa de raspas de limão
3/4 cháv. de sumo de limão fresco (3-4 limões grandes)
3/4 cháv. de açúcar
1 pitada de sal
3 ovos  + 4 gemas
4 c. de sopa de manteiga







Para esta receita utilizei uma vez mais a maravilhosa cocotte da Staub  de que vos quero aqui falar mais um pouco hoje:




Eleita pelos melhores chefs do mundo, a cocotte Staub utiliza a tampa com picos de auto-humedecimento, uma inovação exclusiva que permite que as gotas de condensação se espalhem de modo uniforme no preparado. Mantém as carnes tenras e as verduras suaves.
Os aromas e os sabores preservam toda a sua intensidade e os alimentos guardam o seu valor nutricional.
Seja qual for a ementa que se prepare na cocotte Staub, já sabe que irá deliciar-se com pratos saudáveis!




Quais são as vantagens do ferro fundido esmaltado?

- Retém e redistribui o calor de modo lento e uniforme
- Perfeito para a «cozinha lenta e tradicional»
- Uso fácil adequado para principiantes e cozinheiros profissionais
- De alta qualidade, saudável e com material seguro
- Quanto mais se utiliza, melhor funciona
Esmaltado preto mate no interior:
- Não necessita de ser untado
- Pronto a utilizar

- Melhor estufado e melhor sabor … Perfeito para a «cozinha lenta e tradicional»
Fabricado em França. Apta para todos os tipos de fogão incluindo os de indução.

Como estava então a dizer, deite na cocotte as raspas e o sumo de limão com o açúcar e a pitadinha de sal. Cozinhe em lume médio, por cerca de 5 minutos, ou até que o açúcar e o sal se tenham dissolvido por completo.
Entretanto bata os ovos com as gemas, misturando bem.
Aos poucos e mexendo sempre, despeje um pouco da mistura de limão, nos ovos.
Deite tudo na panela e leve a de novo ao lume, continuando sempre a mexer, até que a mistura engrosse.
Coar depois o creme e assim que arrefecer um pouco (espere 5 minutos), juntar a manteiga, mexendo até esta se derreter por completo.
Cubra com película aderente e leve ao frigorífico por cerca de 3 a 4 horas ( é natural ainda engrossar mais um pouco enquanto arrefece).
A que não usar, transfira depois para um tupperware e pode guardar no frio por 1-2 semanas.

Solha com Crosta de Amêndoa

O peixe, embora não pareça e nem apareça, muitas vezes aqui no blog, é  habitual aqui em casa, pelo menos uma a duas vezes por semana.
Aqui fica uma sugestão de que gostamos bastante...








Solha em filetes
Sal e pimenta preta moída Margão
Sumo de 1 limão
2 ovos
1/2 c. chá de mostarda Dijon
Farinha q.b.
150 g de amêndoas laminadas
Óleo para fritar






Tempere de véspera, o peixe com o sumo de limão, o sal e a pimenta.
Seque-o bem com a ajuda de papel absorvente e passe os filetes por farinha, pelos ovos (batidos com a mostarda de Dijon) e a amêndoa laminada.
Frite em óleo quente até dourar mas vá vigiando o lume para que a amêndoa não queime.
Acompanhe com uma salada de rúcula e tomate.


Beijinho e boa semana para todos!